Buscar
  • Assessoria de Comunicação

VITILIGO


O VITILIGO não é contagioso e as manchas apresentam vários tamanhos. A repigmentação das áreas pode ser feita com remédios, laser ou transplante de células. Cada paciente é diferente e os resultados variam. Procure o dermatologista para saber qual o tratamento adequado.

O que é?

- A doença é causada pela diminuição ou ausência de células responsáveis pela coloração da pele (melanócitos).

​Sintomas

- A perda de cor pode acontecer em apenas uma área (vitiligo

segmentar ou bilateral) ou em ambos os lados do corpo (não segmentar ou bilateral).

- Não traz prejuízos físicos, mas alguns pacientes reclamam de sensibilidade ou dores.

Prevenção

Não existe prevenção para o vitiligo, mas é importante destacar que a doença não é contagiosa.

Diagnóstico

Para realizar o diagnóstico correto, é necessário buscar atendimento dermatológico. Encontre um especialista próximo a você: www.sbd.org.br/buscar-associados.

Tratamentos

O mais apropriado para o paciente dependerá da avaliação do dermatologista, que pode indicar:

- Uso de medicamentos e laser;

- Técnicas cirúrgicas;

- Transplante de melanócitos.

Fonte de Informações: Comunicação SBD Nacional

#vitiligo #pele #dermatologia #doença #preconceito

0 visualização

    Sociedade Brasileira de Dermatologia - Regional Pernambuco

    Av. Rosa e Silva, 1460 - Salas 1304/1305

    Jaqueira- Recife-PE | Cep:52050-020

    Tel: (81) 3242-8735

    • Instagram - Black Circle
    • facebook-square